Engenharia em favor da Sustentabilidade Ambiental, Econômica e Social.

Tatu-bola (Tolypeutes tricinctus)

Tatu-bola (Tolypeutes tricinctus)

NOME CIENTÍFICO: Tolypeutes tricinctus Linnaeus, 1758

FILO: Chordata

CLASSE: Mammalia

ORDEM: Cingulata

FAMÍLIA: Dasypodidae

STATUS DE AMEAÇA: Ameaçada

 

INFORMAÇÕES GERAIS

Tolypeutes tricinctus é a menor, menos conhecida e única espécie de tatu endêmica do Brasil, pois sua distribuição se restringe à Caatinga e ao Cerrado brasileiros. Durante a época de acasalamento, observa-se mais de um macho acompanhando uma mesma fêmea (Moojen, 1943; Santos, 1993; Guimarães, 1997). As fêmeas produzem, por ninhada, um, ou mais raramente dois filhotes, que nascem totalmente formados (Moojen, 1943; Santos, 1993; Guimarães, 1997; Vaz et al., 2001). Os estudos mais completos sobre a dieta do tatu-bola indicam que cupins e formigas são os itens mais importantes. Grande quantidade de areia e fragmentos de material vegetal (cascas e raízes) são também ingeridos junto com o alimento.

 

DISTRIBUIÇÃO GEOGRÁFICA:

Tolypeutes tricinctus vinha sendo considerado como endêmico da Caatinga mas, desde o primeiro registro para o Cerrado, outros achados confirmam que a distribuição da espécie avança para os Cerrados do Brasil Central, pelo menos até a região de Posse/Jaborandi/Correntina, na divisa de Goiás e Bahia e Minas Geraise, mais ao norte, nos Cerrados do Tocantins e Piauí. Informações da literatura científica indicam que a espécie está praticamente extinta nos Estados do Sergipe, Ceará e Pernambuco.

 

PRINCIPAIS AMEAÇAS:

A caça parece ser a principal ameaça à sobrevivência da espécie, seguida pela destruição e alteração do hábitat. O tatu-bola não escava buracos e suas únicas estratégias de defesa são a fuga e o ato de enrolar-se no formato de uma bola. Mesmo correndo, em fuga, ele pode ser facilmente alcançado por uma pessoa; ao parar e se enrolar, quando acuado, pode ser apanhado, sem qualquer risco para quem o captura. A ocorrência de Tolypeutes tricinctus no passado em áreas onde ainda hoje se encontram outras espécies de tatus, sugere que o tatu-bola seja uma das espécies de dasypodídeos mais sensíveis a alterações do hábitat.

Pesquisar no site