Engenharia em favor da Sustentabilidade Ambiental, Econômica e Social.

Brasil não precisa desmatar para aumentar a produção, segundo Ministério da Agricultura

15/06/2011 11:55

     De acordo com projeção divulgada ontem (14/06) pelo Ministério da Agricultura, o Brasil poderá aumentar sua produção em até 23% até 2021 com aumento de 9,5% da área plantada, o que não significa derrubar árvores, visto que o país possui cerca de 120 milhões de hectares desmatados e atualmente em desuso, passíveis de serem usados na agricultura ou na recuperação ambiental.

     O Brasil tem tecnologia suficiente para aumentar a produtividade agrícola, sem a necessidade alteração das áreas protegidas, como prevê o novo Código Florestal.

 

"'A produção crescerá com base na produtividade. O Brasil tem mostrado que é possível elevar a produção sem ampliar o crescimento da área plantada, com investimentos em tecnologia', destaca Wagner Rossi. 'A expansão da área de grãos no país se dará em percentual bem abaixo do seu crescimento histórico'. O ministro afirma que tais estimativas são até modestas, diante dos saltos obtidos pela produção agropecuária nos últimos anos. 'As projeções são factíveis, mas devem ser superadas. Temos potencial para isso.'

Segundo o estudo, o cultivo de grãos – arroz, feijão, milho, soja em grão e trigo – deve aumentar 23% até a próxima década, com expansão de apenas 9,5% da área plantada. A variação da área cultivada será inferior à média dos últimos dez anos, que foi de 21%. O volume produzido deve superar 175,8 milhões de toneladas em 2021. No ano passado, a safra foi de 142,9 milhões de toneladas."

 

Leia a notícia completa no portal do Ministério da Agricultura.>>

 

Pesquisar no site